Google Analytics Alternative

Qual a quantidade ideal para suplementação de óleo de peixe? Ainda, e sobre o pycnogenol?

terça-feira, 13 de julho de 2010

Se a ideia for suplementar o cérebro,
então o DHA deve ser na dose de 1500 mg.
 Muitos artigos estão tratando sobre o consumo de óleo de peixe e prevenção de doenças, entre elas o câncer, perguntei ao Dr. Romariz a quantidade ideal para suplementação e o que ele tem a dizer sobre o pycnogenol, antioxidante crescentemente explorado pela indústria.

O óleo de peixe deve obedecer a alguns critérios. Ter cerca de 700 mg de EPA e 500 mg de DHA. Ter linhanos de sésamo e polifenois de azeite, de forma a poder atuar sobre a enzima delta-5-desaturase impedindo assim a convesão para ácido araquidónico que é o inflamatório mais potente.
Se a nossa ideia for suplementar o cérebro então o DHA deve ser na dose de 1500 mg. Quanto ao pycnogenol ou extrato de casca de pinheiro marítimo francês, ele actua como medicamento anti-disfunção endotelial e por conseguinte também como anti-disfunção eréctil. Claro que só por si não chega. É normalmente usado em conjunção com a arginina, a SOD, o extracto de romã, etc.
Dr. Luís Romariz. Fundador do Instituto Médico NewAge, no Porto.

1 comentários:

{ FÁBIO TADEU } at: 20 de setembro de 2013 10:16 disse...

Bom, dia, gostaria de saber se pessoas com alergias a frutos do mar podem consumir cápsulas de óleo de peixe?

Postar um comentário