Google Analytics Alternative

MENOS ESTRESSE CONSUMINDO MODERADAMENTE UMA COMBINAÇÃO DE ALIMENTOS SAUDÁVEIS.

domingo, 23 de setembro de 2012
A combinação entre a correria, preocupações e pouco tempo de descanso resultam em uma palavra: estresse! Quando esse indesejável visitante chega, descuidar da alimentação é quase uma regra, ainda que o comportamento só torne o problema ainda mais grave. Um dos efeitos bastante conhecidos do estresse é a compulsão alimentar, que também pode desencadear outras doenças, como a obesidade e hipertensão.. Portanto, o ponto de partida para evitar o desânimo é uma dieta equilibrada. Mas quais são os alimentos que espantam o estresse? O endocrinologista Alfredo Cury, proprietário do Spa Posse do Corpo, em Petrópolis, ensina algumas dicas para fortalecer o organismo:
 
1- Carboidratos integrais: “Devemos consumir na dieta carboidratos integrais como a aveia, arroz integral, pães integrais, massas integrais, que também são ricos em micronutrientes como o magnésio e a vitamina B6, que são essenciais para a síntese de serotonina , um poderoso hormônio responsável por controlar o humor”, explica o endocrinologista Alfredo Cury.
 
2- Chocolate: “O chocolate meio amargo possui nutrientes e compostos bioativos, como o magnésio, teobromina e feniletilamina, que estão relacionados com a melhora do estado emocional. Por causa do estímulo no Sistema Nervoso Central, onde a teobromina libera um hormônio que dá a sensação de prazer (endorfina) e a feniletilamina e o magnésio atuam na síntese da serotonina. O chocolate contém ainda, triptofano e carboidratos que potencializam a produção desta serotonina”, diz o proprietário do Spa Posse do Corpo;
 
3- Vinho: “Ele possui uma substância que é o revestarol - potente antioxidante que diminui o risco de doenças cardíacas, câncer e aumenta a longevidade - , além de conter polifenóis que inibem a produção de colesterol ruim (LDL) e faz com que o fígado aumente a produção de colesterol bom (HDL).. O álcool presente na bebida produz um potente vasodilatador, que facilita a circulação sanguinea. Ele também atua em nível de sistema nervoso central,, causando o relaxamento. Mas o ideal é tomar 150ml/dia, não sendo aconselhado o acumulo de doses para um dia somente”, explica o médico. .
 
4- Vitamina C: Alimentos ricos em vitamina C, como a acerola, mamão, goiaba, kiwi, pimentão, brocólis, salsinha, couve-flor e repolho, são cheios de ácido ascórbico, responsável por melhorar a absorção das vitaminas do complexo B e do ferro, mineral presente nas carnes vermelhas e que participa do transporte de oxigênio nas células, combatendo a indisposição. “Só tome suplementos de vitaminas e minerais caso haja prescrição médica. Do contrário, eles podem prejudicar sua saúde”, orienta o endocrinologista Alfredo Cury.
 
Fonte: Cristiana Arcangeli, Conheça os alimentos que ajudam a espantar o estresse. Acesso em 23/09/2012.

2 comentários:

Anônimo at: 25 de setembro de 2012 05:50 disse...

Olá, Blogueiro!

Viemos te convidar para a Mobilização Nacional pela Doação de Órgãos. Doar órgãos é um ato de amor e solidariedade que traz mais vida e qualidade em seus dias para quem recebe. No Brasil, é a própria família quem autoriza a doação em caso de morte encefálica comprovada. Por isso, a informação é fundamental. É preciso que as famílias saibam desta vontade e se sintam seguras ao tomar esta decisão.

Abrace esta causa com a gente no Facebook:
https://www.facebook.com/DoacaodeOrgaos
E também estamos no Twitter:
www.twitter.com/doeorgaos_MS
O material da campanha para divulgação está disponível em:
http://apps.facebook.com/doacao_orgaos/?fb_source=search&ref=ts
Espalhe esse recado e nos ajude a aumentar o número de vidas salvas.

Obrigada,
Ministério da Saúde

Anônimo at: 9 de janeiro de 2013 16:48 disse...

Referente ao item 1)1- Carboidratos integrais: “Devemos consumir na dieta carboidratos integrais como a aveia, arroz integral, pães integrais, massas integrais, que também são ricos em micronutrientes como o magnésio e a vitamina B6, que são essenciais para a síntese de serotonina , um poderoso hormônio responsável por controlar o humor”, explica o endocrinologista Alfredo Cury.


Gostaria de ler mais artigos....que confronetam tratamentos de bipolaridade e começar um estudo sobre o assunto.Com quem devo falar?

Postar um comentário