Google Analytics Alternative

NUTRIENTES DO GOJI BERRY.

quarta-feira, 25 de março de 2015
Goji, é o nome comum do Lycium barbarum, chamada popularmente como goji, bagas de goji, goji berry ou wolfberry. Chegou aos países ocidentais somente no início do século XXI, na medicina tradicional chinesa é consumida há milhares de anos, tem origem na Ásia (China, Índia e Tibete), crescendo em muitas regiões do mundo, porém é na China, principalmente, nas regiões de Ningxia e Xinjiang Uygur, que seu cultivo, de forma comercial é significativo, uma planta da família das solanáceas (à qual pertencem vegetais como a batata, a berinjela, o tomate...).

O fruto é destaque entre os alimentos com a capacidade antioxidante mais elevada na escala ORAC (Oxygen Radical Absorbance Capacity), combatendo excesso de radicais livres e prevenindo o envelhecimento precoce. Contém nutrientes importantes à saúde, fitoquímicos com propriedades antioxidantes, entre eles carotenóides, incluindo betacarocaroteno, zeaxantina, luteína, licopeno, criptoxantina e xantofilas, precursores da vitamina A, atuam diretamente na respiração celular e sintetiza pigmentos da retina protegendo a visão, além de atuarem como antioxidantes poderosos.

Contém também beta-sisterol (e outros fitoesteróis), que tem ação antiinflamatória, podendo impedir a oxidação do LDL colesterol e a formação das placas arteriais. 

Junto a dieta saudável o Goji berry pode contribuir a saciedade, redução do colesterol e controle glicêmico, já que contém fibras e poucas calorias, 1 colher de sopa, cerca de 15 g, contém 50 kcal, 11g de carboidratos e 1,6g de fibras, além disso, pode melhorar a função do sistema imunológico, proteger o fígado e melhorar a circulação.

Fornece 8 aminoácidos essenciais, como isoleucina e triptofano, vitaminas como vitamina C, antioxidante que merece destaque no fruto, vitamina E, vitaminas do complexo B, como B1, B2, B6, que contribuem ao metabolismo de macronutrientes, funcionamento do sistema nervosos e minerais, incluindo zinco, fósforo, ferro, cobre e selênio.

Pode ser consumida in natura ou desidratada, junto às refeições, muito saborosa pode ser misturada a frutas, saladas, sucos, vitaminas, iogurtes, acrescentada as preparações como sobremesas, bolos, barras de cereais, misturadas à aveia, cereais matinais... sendo o recomendado a ingestão de 1 a 2 colheres de sopa, cerca de 30 g ao dia. Porém, não há conclusões sobre a quantidade ideal.

Por Greice Caroline Baggio CRN 10107D.

GOJI BERRY você encontra na N4 Natural


Acesse o site e adquira na N4 Natural




Conceitos importantes da N4 Natural:

- Para os produtos a granel, sabemos que a maioria dos nossos clientes têm o hábito de armazenar em potes, que utilizam no dia a dia. Partindo deste conhecimento, simplificamos as embalagens dos nossos produtos, desta forma conseguimos ter um bom preço e incentivar mais o seu consumo.
- 100% das caixas que utilizamos, são recicladas.

- Acesse e obtenha produtos saudáveis para uma vida em equilíbrio!

1 comentários:

{ Tony } at: 26 de março de 2015 17:38 disse...

Olá! Adorei essa reportagem, pois consumo muito frutas vermelhas e adoro!
Principalmente goji berry, compro sempre do emporium sim sim, essas frutas são bem doces e graúdas, pra quem não acha o goji de excelente qualidade, deixei um site especializado! Bjos

Postar um comentário